Célia Reis - investigadora e ex-bolseira defendeu recentemente a sua tese de Doutoramento


Célia Reis, foi nossa bolseira em 1999-2002 e teve então a orientação científica do professor doutor A. H. de Oliveira Marques. Para além desta bolsa de estudo, Célia Reis participou no projecto coordenado pelo Prof. A.H. de Oliveira Marques no 4.ºvol. da História dos Portugueses no Extremo Oriente.
A primeira Bolsa de Investigação que a Fundação Oriente lhe concedeu, resultou na publicação do livro O Padroado Português no Extremo Oriente na Primeira República (Livros Horizonte, 2007), que existe no nosso Centro de Documentação para consulta. Nele se considera o desenrolar de aspectos da política religiosa do país durante a 1ª República, onde se inscreveram a evolução de Macau e Timor e as questões relacionadas com o Padroado, particularmente na diocese de Macau.





Tendo continuado como  investigadora é com muito prazer que anunciamos que no passado dia 17 de dezembro de 2018, a investigadora defendeu na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa a tese de doutoramento intitulada O Poder entre Lisboa e o Oriente - Persistências e Mudanças na Administração, do Ultimato ao Ato Colonial. Esta tese centra-se na organização institucional da Índia, de Macau e de Timor, de 1890 a 1930, considerando as propostas e as mudanças implementadas. Constitui igualmente um elemento de grande relevância para o estudo das instituições relacionadas com o colonialismo português, que até aqui se debatia com grandes lacunas.



Comentários

Mensagens populares deste blogue